31 out .

por vezes , sinto saudades de tanta coisa que chega a apertar o coração . às vezes , olho para trás e pergunto-me diversas vezes como é que é possível as coisas mudarem de um dia para o outro . nada é certo , tudo é incerto . hoje tenho , amanhã não . sinto saudades de tantos momentos , mas isso , não quer dizer que os queira de volta . faz-me confusão as pessoas dizerem tanto e fim ao cabo , nunca fazerem o que prometeram . revolta-me ainda mais , queixarem-se quando têm tudo , têm tanto e eu vivendo do pouco que tenho . a vida são planos sem certezas , de altos e baixos . quando se perde , fica o vazio , quando se ganha , enche-se a alma . porventura , chegam os ciclos . quando tudo acaba , algo inesperado , nasce . quando tudo se desmorona , algo floresce .

Sem comentários: